Categorias
Sem categoria

Test-drive de Comunismo

– Você pode ser preso se sair na rua sem autorização;

– Governo define quais negócios funcionam;

– Preços controlados;

– Confisco de mercadorias;

– Auxílios governamentais de toda ordem, sem o mínimo “lastro”.

– Se discordar do pensamento hegemônico, será uma ameaça.

Vivemos um test-drive de Comunismo. Mas não é isso que me assusta. O que assusta é que muita gente – e eu digo MUITA gente – compraria.

Eu não sei que tipo de personalidade é essa, a qual tenho visto muito nas redes sociais, que parece ter medo da vida, medo do movimento, do povo na rua trabalhando, produzindo, comprando, vendendo, se divertindo; que se satisfazem ao ver todos trancados em casa, ruas vazias. Gente patrulhando e denunciando aglomerações; pedindo ao Estado que prenda, que multe.

Muito é por medo, eu sei. A mídia irresponsável conseguiu inculcar na mente dos incautos que esse vírus é do tipo “pegou, morreu”. Muita gente crente que vai morrer. Mas outro tanto não é medo, é ressentimento. Na incapacidade de abraçar a própria vida, ficam felizes ao ver os outros impedidos de abraçarem de volta as suas vidas.

Muito é por medo, muito é por ressentimento. E onde entra o Comunismo nisso? Naquela noção de que o comunismo torna todos iguais, na miséria.

Quem nunca conseguiu superar sua miséria existencial, agora se rejubila ao ver o Estado segurando os outros também na miséria.

O ser humano sabe ser muito desgraçado, quando quer.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *